quarta-feira, 24 de junho de 2009

Jesus não é Deus?

Para os que se atêm unicamente aos ensinamentos do Divino Mestre, torna-se irrelevante a questão d’Ele ser Deus ou não. Ao elucidar este ponto, não desejamos rebaixar a realeza do Cristo que disse: “meu reino não é deste mundo” (João 18,36). Pelo contrário, queremos esclarecer sobre o lugar em que sempre se colocou. O apóstolo João, disse-nos que Deus é Espírito (João 4,24), para nós, a Suprema Divindade é a causa primária de todas as coisas. Não podemos dar nenhuma dessas duas definições ao Messias; não é mesmo? Outra coisa: o Criador disse não caber num Templo (1 Reis 8,27), assim sendo, é impossível que Ele caiba num limitado corpo humano. Além de tudo, o Altíssimo afirma-nos não mudar (Malaquias 3,6). Como então o mesmo poderia ser Jesus? Em vários trechos bíblicos, o Meigo Rabi usa a expressão “Meu Pai e vosso Pai”, “Meu Deus e vosso Deus”, fazendo assim uma distinção inequívoca de ser Ele (Jesus) e Deus (O Pai ), duas individualidades absolutamente distintas.

Jesus, no célebre Sermão do Monte, recomenda-nos ser perfeitos como Deus O é (Mateus 5,48), não, porém, como Ele mesmo. Numa evidente demonstração de que o Pai e Ele são dois seres, não um. O que também se confirma em sua crucificação quando restitui o seu Espírito a Deus (Lucas 23,46). Ainda na Bíblia, um pouco mais à frente, quando esta mostra-nos um jovem que quer seguir a Jesus, ao dizer-Lhe que era bom, vemos a Sua imediata correção dizendo que somente o Pai o era (Mateus 19,17). Se Jesus e o Criador fossem um só, esta emenda não teria sido feita. A submissão do Filho ao Pai, é corroborada por Paulo de Tarso, quando este afirma em uma carta, que Jesus intercedeu por nós junto a seu Pai (Efésios 5,2). Ora, ninguém intervém a si próprio a favor de si mesmo. Finalizando este texto, vemos o Divino Raboni, já no seu corpo espiritual, dizer a seus discípulos que o Criador havia-Lhe enviado (João 20,21), dando uma amostra contundente de que Ele e Deus, são duas figuras inconfundíveis.

Tendo tudo isso em vista, acho que é um absurdo crer-se que o Altíssimo desceu do céu, encarnou-Se em Jesus, morrendo na cruz como vítima a Ele mesmo para expiação de nossos pecados. Mas não posso querer que os leitores pensem como eu. Jesus mesmo disse: “Quem tem ouvidos para ouvir, ouça” (Mateus 11,15). Ou seja: acredite quem quiser e puder.

Fonte: Publicado no jornal “O Tempo”, de Belo Horizonte, no dia 05 de Junho de 2007.

10 comentários:

Sergio Henrique Solino Christino disse...

" No principio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus" (Jo 1.1)
Jesus tornou-se humano, mas sem pecado e sem abrir mão da sua dinvidade (Mt 19.28), do seu poder (Mt 9.6), de sua onisciência (Mt 9.4) e do seu atributo de ser eterno (Rm 9.5)
Muito Bom o seu Blog, Fique na gloriosa Paz do Senhor Jesus

bryan disse...

Eu sou os parabéns a quem criou esse texto. Está totalmente correto.
Leitor da palavra de Deus a bíblia nunca se atenha a somente um versículo da bíblia somente, lembre-se o que Paulo disse a Timóteo em 1 Timóteo 3:16 diz: "Toda escritura é inspirada por Deus e proveitosa..." ali diz toda escritura e não só um versículo, E MESMO ASSIM, João 1:1 não prova que Jesus é Deus. Disse que estava com Deus e que era Deus. É nisso que a maioria das pessoas que creem que Jesus é Deus se apegam. Mas vamos jogar o mesmo jogo. Jesus pode ser um "Deus", mas seria ele o Deus todo poderoso? o Paulo nos dá a resposta usando esse mesmo título que você caro amigo usou em João 1:1 (Veja Filipenses 2:5,6, que diz na versão João Ferreira de Almeida Revisida e Corrigida (RC): "De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, que sendo em forma de Deus (Repare nesse sendo em forma de Deus)não teve por usurpação ser igual a Deus. Notou? Aqui diz que Jesus tem forma de Deus, mas não teve usurpação, a palavra usurpar refere-se a tomar algo, ou tomar o lugar de algo ou de alguém, e ali disse que Jesus não tentou usurpar o lugar de Deus, repare que esse texto usa até uma palavra comparativa "ser igual a Deus" mostrando que Jesus como filho de Deus tem sim forma de Deus, mas ele nunca tentou usurpar o lugar de Deus ou tentar ser igual a Deus o Deus todo poderoso o pai de Jesus Cristo.

e existem muitos textos que mostram Jesus referindo-se a ele mesmo como inferior ao pai.

A começar com o de Mateus que claramente Jesus admite não ser Deus admite que há alguém superior ele o único Deus verdadeiro (Leia Mateus 19:16 e 17) Ali diz: Depois dos dicipulos chamarem a Jesus de bom instrutor lha a resposta que Jesus deu: Por que me chamar bom? Não há bom, senão um só que é Deus" Olha o proprio Jesus dizendo aí que ele não é Deus e o reconhecimento de que há alguém maior que ele o Pai de Jesus Cristo. Eu poderia enumerar aqui milhares de textos semelhantes a estes, mas não é necessário caro leitor, leia a bíblia e achará a verdade. Não vá na cabeça de homem algum que se diga pastor, pois como diz Jeremias 10:23: "Não é do homem que anda o dirigir o seu passo". O homem é imperfeito e comete erros, procure a verdade.
Por fim veja esse último texto Salmo 83:18 ali diz na versão Almeira RC já citada: Para que saibam que , a quem só pertence o nome Jeová, és o altíssimo sobre toda a terra". Na mesma versão almeida só que atualizada tiraram esse nome da bíblia e o substituiram por SENHOR. O que é uma total incoerência. Procurem a verdade.

bryan disse...

Eu sou os parabéns a quem criou esse texto. Está totalmente correto.
Leitor da palavra de Deus a bíblia nunca se atenha a somente um versículo da bíblia somente, lembre-se o que Paulo disse a Timóteo em 1 Timóteo 3:16 diz: "Toda escritura é inspirada por Deus e proveitosa..." ali diz toda escritura e não só um versículo, E MESMO ASSIM, João 1:1 não prova que Jesus é Deus. Disse que estava com Deus e que era Deus. É nisso que a maioria das pessoas que creem que Jesus é Deus se apegam. Mas vamos jogar o mesmo jogo. Jesus pode ser um "Deus", mas seria ele o Deus todo poderoso? o Paulo nos dá a resposta usando esse mesmo título que você caro amigo usou em João 1:1 (Veja Filipenses 2:5,6, que diz na versão João Ferreira de Almeida Revisida e Corrigida (RC): "De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, que sendo em forma de Deus (Repare nesse sendo em forma de Deus)não teve por usurpação ser igual a Deus. Notou? Aqui diz que Jesus tem forma de Deus, mas não teve usurpação, a palavra usurpar refere-se a tomar algo, ou tomar o lugar de algo ou de alguém, e ali disse que Jesus não tentou usurpar o lugar de Deus, repare que esse texto usa até uma palavra comparativa "ser igual a Deus" mostrando que Jesus como filho de Deus tem sim forma de Deus, mas ele nunca tentou usurpar o lugar de Deus ou tentar ser igual a Deus o Deus todo poderoso o pai de Jesus Cristo.

e existem muitos textos que mostram Jesus referindo-se a ele mesmo como inferior ao pai.

A começar com o de Mateus que claramente Jesus admite não ser Deus admite que há alguém superior ele o único Deus verdadeiro (Leia Mateus 19:16 e 17) Ali diz: Depois dos dicipulos chamarem a Jesus de bom instrutor lha a resposta que Jesus deu: Por que me chamar bom? Não há bom, senão um só que é Deus" Olha o proprio Jesus dizendo aí que ele não é Deus e o reconhecimento de que há alguém maior que ele o Pai de Jesus Cristo. Eu poderia enumerar aqui milhares de textos semelhantes a estes, mas não é necessário caro leitor, leia a bíblia e achará a verdade. Não vá na cabeça de homem algum que se diga pastor, pois como diz Jeremias 10:23: "Não é do homem que anda o dirigir o seu passo". O homem é imperfeito e comete erros, procure a verdade.
Por fim veja esse último texto Salmo 83:18 ali diz na versão Almeira RC já citada: Para que saibam que , a quem só pertence o nome Jeová, és o altíssimo sobre toda a terra". Na mesma versão almeida só que atualizada tiraram esse nome da bíblia e o substituiram por SENHOR. O que é uma total incoerência. Procurem a verdade.

bryan disse...

Eu sou os parabéns a quem criou esse texto. Está totalmente correto.
Leitor da palavra de Deus a bíblia nunca se atenha a somente um versículo da bíblia somente, lembre-se o que Paulo disse a Timóteo em 1 Timóteo 3:16 diz: "Toda escritura é inspirada por Deus e proveitosa..." ali diz toda escritura e não só um versículo, E MESMO ASSIM, João 1:1 não prova que Jesus é Deus. Disse que estava com Deus e que era Deus. É nisso que a maioria das pessoas que creem que Jesus é Deus se apegam. Mas vamos jogar o mesmo jogo. Jesus pode ser um "Deus", mas seria ele o Deus todo poderoso? o Paulo nos dá a resposta usando esse mesmo título que você caro amigo usou em João 1:1 (Veja Filipenses 2:5,6, que diz na versão João Ferreira de Almeida Revisida e Corrigida (RC): "De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, que sendo em forma de Deus (Repare nesse sendo em forma de Deus)não teve por usurpação ser igual a Deus. Notou? Aqui diz que Jesus tem forma de Deus, mas não teve usurpação, a palavra usurpar refere-se a tomar algo, ou tomar o lugar de algo ou de alguém, e ali disse que Jesus não tentou usurpar o lugar de Deus, repare que esse texto usa até uma palavra comparativa "ser igual a Deus" mostrando que Jesus como filho de Deus tem sim forma de Deus, mas ele nunca tentou usurpar o lugar de Deus ou tentar ser igual a Deus o Deus todo poderoso o pai de Jesus Cristo.

e existem muitos textos que mostram Jesus referindo-se a ele mesmo como inferior ao pai.

A começar com o de Mateus que claramente Jesus admite não ser Deus admite que há alguém superior ele o único Deus verdadeiro (Leia Mateus 19:16 e 17) Ali diz: Depois dos dicipulos chamarem a Jesus de bom instrutor lha a resposta que Jesus deu: Por que me chamar bom? Não há bom, senão um só que é Deus" Olha o proprio Jesus dizendo aí que ele não é Deus e o reconhecimento de que há alguém maior que ele o Pai de Jesus Cristo. Eu poderia enumerar aqui milhares de textos semelhantes a estes, mas não é necessário caro leitor, leia a bíblia e achará a verdade. Não vá na cabeça de homem algum que se diga pastor, pois como diz Jeremias 10:23: "Não é do homem que anda o dirigir o seu passo". O homem é imperfeito e comete erros, procure a verdade.
Por fim veja esse último texto Salmo 83:18 ali diz na versão Almeira RC já citada: Para que saibam que , a quem só pertence o nome Jeová, és o altíssimo sobre toda a terra". Na mesma versão almeida só que atualizada tiraram esse nome da bíblia e o substituiram por SENHOR. O que é uma total incoerência. Procurem a verdade.

bryan disse...

Eu sou os parabéns a quem criou esse texto. Está totalmente correto.
Leitor da palavra de Deus a bíblia nunca se atenha a somente um versículo da bíblia somente, lembre-se o que Paulo disse a Timóteo em 1 Timóteo 3:16 diz: "Toda escritura é inspirada por Deus e proveitosa..." ali diz toda escritura e não só um versículo, E MESMO ASSIM, João 1:1 não prova que Jesus é Deus. Disse que estava com Deus e que era Deus. É nisso que a maioria das pessoas que creem que Jesus é Deus se apegam. Mas vamos jogar o mesmo jogo.

bryan disse...

Jesus pode ser um "Deus", mas seria ele o Deus todo poderoso? o Paulo nos dá a resposta usando esse mesmo título que você caro amigo usou em João 1:1 (Veja Filipenses 2:5,6, que diz na versão João Ferreira de Almeida Revisida e Corrigida (RC): "De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, que sendo em forma de Deus (Repare nesse sendo em forma de Deus)não teve por usurpação ser igual a Deus. Notou? Aqui diz que Jesus tem forma de Deus, mas não teve usurpação, a palavra usurpar refere-se a tomar algo, ou tomar o lugar de algo ou de alguém, e ali disse que Jesus não tentou usurpar o lugar de Deus, repare que esse texto usa até uma palavra comparativa "ser igual a Deus" mostrando que Jesus como filho de Deus tem sim forma de Deus, mas ele nunca tentou usurpar o lugar de Deus ou tentar ser igual a Deus o Deus todo poderoso o pai de Jesus Cristo.

e existem muitos textos que mostram Jesus referindo-se a ele mesmo como inferior ao pai.

A começar com o de Mateus que claramente Jesus admite não ser Deus admite que há alguém superior ele o único Deus verdadeiro (Leia Mateus 19:16 e 17) Ali diz: Depois dos dicipulos chamarem a Jesus de bom instrutor lha a resposta que Jesus deu: Por que me chamar bom? Não há bom, senão um só que é Deus" Olha o proprio Jesus dizendo aí que ele não é Deus e o reconhecimento de que há alguém maior que ele o Pai de Jesus Cristo. Eu poderia enumerar aqui milhares de textos semelhantes a estes, mas não é necessário caro leitor, leia a bíblia e achará a verdade. Não vá na cabeça de homem algum que se diga pastor, pois como diz Jeremias 10:23: "Não é do homem que anda o dirigir o seu passo". O homem é imperfeito e comete erros, procure a verdade.
Por fim veja esse último texto Salmo 83:18 ali diz na versão Almeira RC já citada: Para que saibam que , a quem só pertence o nome Jeová, és o altíssimo sobre toda a terra". Na mesma versão almeida só que atualizada tiraram esse nome da bíblia e o substituiram por SENHOR. O que é uma total incoerência. Procurem a verdade.

Anônimo disse...

Jesus não é D-us.
Cristo é D-us.
Os judeus não acreditam em Jesus pois sabem que ele e o Cristo místico são seres distintos!

Os judeus são gnósticos.
Jesus disse, que eles tinham como o pai o diabo.

Por que Jesus disse isso?
Pelo facto, que o diabo é o pai da gnose(Conhecimento cabalistico, árvore da vida, ensinamento da serpente).

Os judeus e gnosticos diferenciavam o Cristo de Jesus, é assim até os dias de hoje.

Na Cabalá o Adam Kadmon, espirito do deus homem, é distinto do Cristo D-us.

Jesus o Adam Kadmon, para os judeus e os gnósticos não foi e não será o Cristo de D-US.

O Cristo D-us, também é chamado o filho do homem.

Sidneia de Jesus disse...

CAROS IRMÃOS.
ESSE É UM TIPO DE DEBATE QUE JÁ PERDUROU ANOS E ANOS.
SE CADA UM DE NÓS PROCURARMOS VIVER EM COMUNHÃO E PRATICAR O AMOR ENTRE OS POVOS, É O SUFICIENTE PARA ALCANÇARMOS A DEUS
VAMOS NOS ATER A ISSO, POIS O NOSSO CRISTIANISMO ESTÁ FALINDO POR FALTA DE AMOR E COMUNHÃO.SE CRISTO ERA DEUS OU NÃO,É PROBLEMA DELE, EU ME IMPORTO COM OS ENSINAMENTOS DEIXADOS POR ELE E QUE DEVERIA SER PRATICADO POR UM MONTE DE EGOISTAS QUE É O RESULTADO DO CRISTIANISMO DE HOJE. SIDNEIA DE JESUS.

Saulo Álvares disse...

Olá, Marla! Gostei muito dessa sua postagem à respeito da divindade de Jesus. Eu possuo a crença de que Jesus foi um ser humano como nós, portanto, passível de ser seguido e até mesmo imitado. É bom saber que existem pessoas que compartilham dessas idéias. Se não no todo, ao menos em parte. Sucesso!

José Roberto Alves da Silva disse...

Paulo reconheceu Jesus com Deus, veja o que ele disse sobre Cristo, "Olhai por vós e por todo o rebanho sobre que o Espirito santo vos constituiu bispos, para apascentardes a igreja de Deus, que ele resgatou com seu próprio sangue. (Atos 20.28), quem resgatou a igreja com seu próprio sangue? Por acaso Deus o Pai estava em carne? não! Era Cristo, conforme nos apresenta João (Jo 1.14).