sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

"CONTINUE A NADAR... CONTINUE A NADAR..."

Quem nunca assistiu o clássico da Disney & Pixar "Procurando Nemo"?

Só eu já assisti umas 20 vezes... e assistiria mais umas 50... sem me cansar e sempre dando gargalhada!!

O filme conta a história de Merlin, pai de Nemo. Marlin está inconsolável pois seu filho foi levado por mergulhadores para o outro lado do oceano. Merlin consegue encontrá-lo com a ajuda de sua nova amiga, Dory.

E é sobre Dory que eu gostaria de falar!

É impressionante como essa "peixinha" azul super simpática com problema de perda de memória recente e bilingue com seu famoso "baleiês" consegue nos passar, na minha opinião, a maior lição do filme: Sua canção favorita: "Quando a vida decepciona, qual é a solução? Continue a nadar, continue a nadar, continue a nadar..."

Joyce Meyer, em seu livro "O Campo de Batalha da Mente" fala sobre "Continuar continuando..."

E minha querida Bíblia em todo o seu conteúdo, de Gênesis a Apocalipse, fala sobre: "Perseverar até o fim"!

Não temos domínio sobre a vida... não temos domínio nem sobre nossas próprias vidas... o máximo que nós temos é o controle de nossas escolhas... Quando nos entristecemos; nos frustramos; ou quando alguma situação ou alguém nos decepciona... quando somos cometidos de alguma mal que não esperávamos... precisamos perseverar até o fim... precisamos continuar continuando...

A atitude da perseverança também é bastante conhecida como FÉ.

"Ora, a fé é a certeza daquilo que esperamos e a prova das coisas que não vemos."
(Hebreus 11. 01)

Então, digo sempre a mim mesmo, independente das circunstâncias... Continue! Hoje, digo a você, que me deu o privilégio de visitar meu blog: CONTINUE!

Continue sempre rumo a: "...42, Wallaby way, Sidney..."

Continue a nadar... Continue a nadar...

Continue a nadar...

AUTORA: Aryanne Soares

2 comentários:

Katia disse...

Precisava ler isso. As coisas ruins me paralizam, principalmente, a maldade, falsidade e mentiras humanas. Fui passear aí e estava cheia de planos, alegria de ter concretizado um sonho de voltar após 14 anos e foram tantas decepções que voltei chorando muito. Foi até desumano que fizeram comigo e meu filho mas tenho que ter forças e continuar a nadar e achar que sempre morro na praia. Tenho tantas coisas boas que Deus fez e faz e por causa de pessoas que mal conheço ou não fazem diferença na minha vida, parece que tudo some de minha mente...bjs...obrigada.

satire and theology disse...

Marla, that is really cool blog header with the Roman columns. I like your blogs.

Russ:)